segunda-feira, 3 de setembro de 2018

COM A MISSA DEVOCIONAL DE SÃO FRANCISCO, PAROQUIA SANTA RITA DE CÁSSIA FAZ O LANÇAMENTO O FESTEJO 2018

Amanhã dia 04 de setembro, durante a Santa Missa que terá início ao meio dia ( 12h00) na Igreja Matriz. Na oportunidade, a  Paróquia Santa Rita de Cássia de Buriticupu, fará o lançamento  do festejo de São Francisco de Assis 2018 com o início da peregrinação da imagem do padroeiro nas comunidades.
Neste ano o festejo traz como tema " COM SÃO FRANCISCO DE ASSIS QUEREMOS SER CONSTRUTORES DA PAZ NA IGREJA E NA SOCIEDADE".
O grande sonho da humanidade é a vivência da fraternidade entre as pessoas que rompida ainda no paraíso  com o assassinato do justo Abel,  com o sangue dos profetas, com o sangue de Jesus e com o sangue e a liberdade dos que lutam por um mundo melhor.
Hoje, este sonho é relançado  para toda a humanidade pela voz profética  e o testemunho do Papa Francisco, que não por acaso escolheu este nome que lembra o testemunho profético de Francisco de Assis.

Caro irmão e cara irmã, que este festejo nos ajude a sermos testemunhas da simplicidade, da humildade, da ternura e compaixão de Deus por nós e por toda humanidade. Vistamos a camisa do serviço e do compromisso por uma família e uma sociedade melhor.
Um abraço e minhas orações  e bom festejo para todos.
Venha e participe, aguardamos você e toda a sua família
Pe. Antonio Rodrigues
Fonte: Pascom paroquial Santa Rita de Cássia

5 comentários:

  1. Que o Senhor nos abençoe e que tenhamos um festejo segundo a vontade de Deus. Vamos participar!!

    ResponderExcluir
  2. Eu vou participar. Sou devoto fiel, esta missa chegou em boa hora para que possamos expressar a Deus toda a nossa gratidão e alegria de sermos católicos.

    ResponderExcluir
  3. Pe. Antonio Rodrigues3 de setembro de 2018 23:56

    Vamos povo de Deus celebrar com fé e amor a nossa devoção a este grande missionário da paz em tempo em que nos é ofertado a vingança, o preconceito e a violência contra os fracos como justiça.Que Sao Francisco nos ajude a sermos homens e mulheres pacíficos.

    ResponderExcluir