domingo, 31 de janeiro de 2021

CARDEAL OMELLA: “IRMÃO JUAN DEL RIO REPOUSA EM PAZ NOS BRAÇOS DO SENHOR”. VITIMA DE COVID 19 ARCEBISPO MILITAR ESPANHOL

Antes de iniciar a Eucaristia, o báculo e a mitra do falecido bispo são colocados em seu caixão, assim como sua casula e o Livro do Evangelho.
“Este vírus não perdoa nem faz diferença entre pessoas, condição social, religião, culturas, raças. Este vírus nos uniu a todos na fragilidade, nos lembrou de nossa condição vulnerável”
“Deixamos em suas mãos sua família, amigos e colegas, seus queridos padres, as Forças Armadas, que o tiveram como pai ou irmão mais velho”
"Ele trabalhou neste belo trabalho humanitário de levar paz e solidariedade em todas as partes do mundo e na sociedade"
“Fiquei feliz e orgulhoso de ver que as Forças Armadas colaboram tanto para ajudar a superar a pandemia e aliviar o sofrimento por meio da Caritas militar, que cresceu em seus anos de pastoralismo”
 Jose Manuel Vidal
Os bispos se respeitam, porque são companheiros de trabalho. Mas alguns vão muito mais longe e se amam como irmãos. É o caso dos cardeais Osoro e Omella com o falecido arcebispo militar Juan del Rio , um prelado também amado por seu clero e por seus fiéis, as Forças Armadas espanholas. E isso foi notado no funeral celebrado na catedral militar de Madrid por um bom pastor, um homem de Deus e um líder de visão.
Devido à pandemia, o funeral foi realizado "em privado" , com os seus familiares e uma representação dos bispos, do clero militar e dos fiéis do seu arcebispado. Em frente ao altar, o caixão coberto pela bandeira espanhola.
O funeral, presidido pelo presidente da CEE, o cardeal Omella, acompanhado pelos cardeais Osoro, Cañizares e Blázquez , além do Núncio Auza e um grupo representativo de prelados espanhóis, entre eles os bispos de Ávila, Toledo, Astorga.
Antes de iniciar a Eucaristia, o bordão e a mitra do falecido bispo são colocados em seu caixão , assim como sua casula e o Livro do Evangelho .
Primeira leitura do Livro da Sabedoria. Salmo responsorial: "O Senhor é o meu pastor, nada me falta." Evangelho de João: “Se o grão de trigo não cai à terra e não morre, fica infértil ...”
Trechos da homilia do Cardeal Omella

“Todos nós intensificamos nossas orações quando soubemos que nosso amigo Don Juan del Rio estava doente ...
Não foi da vontade do Senhor deixá-lo conosco por mais algum tempo e nós o aceitamos, mesmo que isso nos custe.
Este vírus não perdoa nem faz diferença entre pessoas, condição social, religião, culturas, raças.
Este vírus nos uniu a todos na fragilidade, nos lembrou de nossa condição vulnerável.
A morte é um mistério para todos. Por que temos que morrer, por que agora, por que tão cedo?
O Senhor sempre responde dizendo: Eu sou a Ressurreição e a vida ...
Proclamamos com fé que Cristo venceu a morte, que o Ressuscitado vive e está entre nós e que Nele viveremos para sempre.
Também é bom lembrar as palavras de Deus: 'Não temas o verme de Jacó, a lagarta de Israel', eu mesmo te ajudo ...
São palavras que nos confortam e nos reposicionam nas mãos de Deus. E este vírus nos lembra que estamos nas mãos de Deus
Não possuímos quase nada. Tudo está nas mãos de Deus
Dê a nosso irmão descanso e paz, Senhor.
Deixamos em suas mãos sua família, amigos e colegas, seus queridos padres, as Forças Armadas, que o tiveram como pai ou irmão mais velho.
E também te pedimos, Senhor, para a arquidiocese militar de Espanha ... que experimente também aquela paz que deste aos apóstolos: 'Homens de pouca fé, por que duvidas?'
Juan Del Rio escolheu como seu lema episcopal: A obra da justiça será a paz ', nas palavras de Isaías.
Ele trabalhou neste belo trabalho humanitário de levar paz e solidariedade em todas as partes do mundo e na sociedade.
Ele ficou feliz e orgulhoso de ver que as Forças Armadas colaboram tanto para ajudar a vencer a pandemia e aliviar o sofrimento por meio da Caritas militar, que cresceu em seus anos de pastoreio.

Colocamos o corpo do nosso querido irmão ao lado de Cristo Ressuscitado e pedimos-lhe que lhe conceda a alegria eterna no seu reino e que nos dê a todos paz, esperança e conforto.
Humilde trabalhador na vinha do Senhor
Devoto de San Juan de Ávila. Terminamos com suas palavras: 'Tu, Senhor, tu sabes ... depois que te segui não desejei as coisas deste mundo ... Tu, Senhor, sabe que te digo a verdade ...'
Que o Bom Pastor vos dê as boas-vindas ao descanso eterno. Irmão Juan del Rio repousa em paz nos braços do Senhor "
Fonte:religiondigital
 


 

Nenhum comentário:

Postar um comentário