segunda-feira, 22 de março de 2021

FILIPINAS: UM PADRE E UM IRMÃO LA SALLE NA GRANDE COLIGAÇÃO PARA DERRUBAR O PRESIDENTE DUTERTE

 

O padre jesuíta Albert Alejo na apresentação da coligação democrática. Foto: Direitos reservados/UCA News.
Dois eminentes religiosos das Filipinas, um jesuíta e um da congregação de La Salle, integram uma nova formação política criada para impedir que o Presidente Duterte e os seus aliados ganhem as eleições presidenciais e legislativas do próximo ano. A coligação formada por figuras da sociedade civil e políticos de relevo foi anunciada na quinta-feira, 18 de março, em conferência de imprensa realizada em Manila.
O movimento é encabeçado por um antigo membro do Supremo Tribunal de Justiça, por um antigo ministro dos Negócios Estrangeiros e por uma ex-Provedora da Justiça. O seu objetivo é constituir “uma coligação de forças democráticas” que “rejeita todos os que se identificam com o autoritarismo” e que combate “os responsáveis pelas execuções (assassinatos) extrajudiciais”.
Desde a eleição do Presidente Rodrigo Duterte (junho de 2016), mais de 10 mil pessoas já foram assassinadas pelo exército, polícia e milícias encapuçadas. A pretexto da luta contra o tráfico de droga, têm sido mortos ativistas dos direitos humanos, sindicalistas e opositores do Presidente, que repete frequentemente ter dado ordens aos militares para atirarem a matar contra os supostos traficantes.

 Fonte:setemargens

 


Nenhum comentário:

Postar um comentário