sábado, 26 de junho de 2021

FIEL DE BURITICUPU-MA RECEBE MILAGRE ATRAVÉS DA INTERCESSÃO DE PADRE PELÁGIO

Com imensa alegria a senhora Joana Belarmino de Sousa, missionária assídua da paróquia Santa Rita de Cássia, manifesta através de uma carta o milagre recebido através da Intercessão de Padre Pelágio do Divino Pai Eterno.

Passou por problemas sérios de saúde no ano 2020 e foi submetida a três cirurgias, passando uma parte da internação na Unidade de Terapia Intensiva(UTI). Recebeu o milagre da cura e voltou para sua casa, onde continua sua missão e devoções. 

Testemunho de fé de Joana Belarmino de Sousa

Joana Belarmino de Sousa, 80 anos, nascida no dia 09 de junho de 1941, resistente na rua São Raimundo, n° 161, centro, da cidade de Buriticupu-MA. É devota do Divino Pai Eterno há mais de 4 anos e bebe a água benta das novenas todos os dias e recebe mensalmente as cartas com orações e agradecimentos pela sua partilha.

Joana também é Legionária e exerce o ministério de ministro extraordinário da sagrada comunhão Eucarística , onde sempre realizou sua missão de visitas as famílias levando a eucaristia e a devoção mariana nos lares. Mais a missão das visitas foi suspensa desde o primeiro semestre de 2020, devido alguns mal estar que Joana vinha sentindo o que acabou se agravando.

Em maio de 2020 ela sentiu que não suportaria mais pois já não conseguia se alimentar normalmente, apenas com papinhas e alguns caldos. Em um momento de dor e sentindo que seu estômago havia fechado, Joana em frente a TV ligada no Divino Pai eterno fez um grande apelo e uma promessa com muita fé, dedicada ao Padre Pelagio, que ainda não foi canonizado.

Joana sentiu que naquele momento sua sorte mudaria, porque teve a certeza da cura daquela enfermidade que estava sentindo e sabia que era grave, apesar de ainda não ter diagnóstico médico. Porém ela não conseguia mais se alimentar e pouco tomava água. Então seus filhos e familiares decidiram procurar ajuda médica para resolver a situação, que já se prolongava, foi quando Joana foi diagnosticada com pedras na vesícula e necessitava de uma cirurgia. Depois de realizar todos os exames Joana fez a primeira cirurgia dia 23 de novembro passado, onde a equipe médica percebeu que o quadro de saúde de Joana era grave, pois identificaram que uma das pedras havia passado para o intestino e perfurou e seu tamanho era muito anormal e assim teria que passar por outra cirurgia, o que aconteceu no dia 27 do mesmo mês, porém ainda não tinham conseguindo reverter a situação pois era grave e Joana permanecia internada desde o dia da primeira cirurgia, a última aconteceu no dia 11 de dezembro onde necessitou ser encaminhada para a Unidade de Terapia Intensiva(UTI) e ouviu dos médicos que estavam lhe acompanhando, que sua vida era um milagre, pois não sabiam como ela ainda estava viva com uma pedra enorme tapando seu estômago e com perfurações no intestino e ter ficar muito tempo sem se alimnatar. Nesses dias Joana recebeu o milagre que já havia pedido em oração ao Padre Pelagio, a última cirurgia foi um sucesso e sua recuperação também na UTI. Após 29 dias de internação Joana teve alta médica e foi liberada para voltar para casa e se recuperar junto da sua família.

Ao final de tudo isso Joana se sente muito agradecida pelo grande milagre recebido através da Intercessão de Pe. Pelagio do Divino Pai Eterno. Joana continua sua missão com sua família e bebendo a água benta das novenas do Divino Pai Eterno.



2 comentários:

  1. Sou testemunha dessa bênção.
    A história da Dona Joaninha cura nosso coração de toda falta de fé.
    Sua missão é nos fazer crer que Deus é bom e fiel o tempo todo, o tempo todo Ele é bom e fiel.
    Louvado seja Deus pela vida da Dona Joaninha.

    ResponderExcluir
  2. Graças a deus dona joaninha tá se recuperando , Deus tem uma missão grande pra vc guerreira .

    ResponderExcluir